Você está aqui:  / Cardápios Especiais / Massas e molhos / Todas as dicas para fazer pizza caseira

Todas as dicas para fazer pizza caseira

Acho que vocês já devem saber que pizza é assunto seriíssimo para os Carpinelli. Não bastassem os genes italianos, nossa “famiglia” conta com um membro que degusta as redondas todas as noites — sim, isso significa diariamente (com raríssimas exceções como festas, por exemplo) — há mais de 40 anos (já contei aqui sobre a paixão do meu pai). Com isso, o nível de exigência é cada vez mais alto e, consequentemente, ele acabou desenvolvendo um conhecimento aguçado sobre os mais diversos tipos de massas, técnicas e recheios.

[Se você também não acredita na dieta super equilibrada (só que não) do meu papi querido, você pode acompanhar o #DiárioDaPizza lá no Instagram.]

Desde muito pequena o ouço comentando o que faz ou não uma boa pizza. É por isso que resolvi aproveitar o Dia da Pizza para contar todas as dicas para fazer pizza caseira.

Desde 1985, no dia 10 de julho passou a ser comemorado o Dia da Pizza, o pedido número 1 em empresas de delivery em São Paulo e que movimenta mais de 50 mil pizzarias espalhadas pelo Brasil todo.

Apesar de ter sido adotada pelos italianos, dizem que sua origem é disputada pelos egípcios e gregos. Aqui no país, chegou na bagagem dos imigrantes napolitanos que se instalaram principalmente no bairro do Brás, em São Paulo. Mas a preparação que envolve a massa, molho de tomate, recheio (geralmente com pelo menos algum tipo de queijo), orégano ou manjericão, é comum também em diversas culturas com algumas pequenas variações (como o pão árabe, as esfihas e até a foccacia, esta sim originalmente italiana).

Com a criatividade dos brasileiros, foi se tornando cada vez mais variada e comum nas mesas, por sua praticidade. Por isso, não precisa de um dia específico para ser saboreada — vide os estabelecimentos que fazem plantão de segunda a segunda para comercializá-la.

Agora que aprendemos a história desta data comemorativa, a ideia é aprender a preparar uma deliciosa pizza caseira. Vamos lá?

 

A MASSA DA PIZZA

Inevitavelmente existe uma uma já famosa receita da mais que aperfeiçoada Pizza do Odair, que até meus sobrinhos pequenos já sabem fazer. Não poderiam deixar de carregar a herança e a tradição. Mas ainda há outras opções:

Pizza do Odair: esta é a receita oficial do meu pai, que fica do jeitinho que ele mais gosta, ou seja, crocante e levinha. Se preferir, pode deixar a massa mais grossa.

Como fazer pizza tradicional napoletana: a receita original da pizza tradicional napoletana,

Massa de pizza tipo de pizzaria (fermentação longa, sem sova): uma massa crocante, saborosa e muito próxima das massas que a gente encontra nas melhores pizzarias.

Massa de pizza fit (100% integral): uma massa mais leve, feita apenas com farinha integral, para quem não abre mão da pizza mesmo buscando uma alimentação mais saudável.

 

O MOLHO PARA PIZZA

Cresci ouvindo meu pai dizer que não há nada pior do que pizza encharcada, aquela que rasga quando a gente pega o pedaço na mão para comer. Por isso, um dos principais segredos de uma pizza perfeita é um molho com sabor equilibrado e sem muito caldo, capaz de untar a massa para receber o recheio sem umedecê-la demais, deixando a massa crocante.

Depois de tanto tempo preparando sua própria massa de pizza, meu pai desenvolveu também uma receita especial e exclusiva de molho de tomate.

Como fazer molho de tomate para pizza

 

OS SABORES DAS PIZZAS

Depois de providenciar uma boa massa e um molho caprichado, é o momento de escolher as coberturas.

_ Para a tradicional pizza marguerita, use 60g. a 80g. de molho de tomate, 80g. a 100g. de muçarela de búfala, 1 fiozinho de azeite, folhas de manjericão e 10g. a 15g. de queijo parmesão ralado.

_ Para a pizza marinara, use 70g. a 100g. de molho de tomate, 1 fiozinho de azeite, 1 dente de alho amassado, 1 pitada de orégano e 1 pitada de sal.

_ Para a pizza calabresa, use molho de tomate, calabresa fatiada, cebola em rodelas, orégano e azeitonas pretas.

_ Para a pizza portuguesa, use molho de tomate, presunto gordo, cebola, ovos cozidos, coberta com muçarela, orégano e azeitonas pretas.

_ Para a pizza quatro queijos, use molho de tomate, gorgonzola, catupiry, provolone, muçarela, orégano e azeitonas pretas.

_ Para a pizza napolitana, use molho de tomate, muçarela, champignon na manteiga, bacon, orégano e azeitonas pretas.

_ Para a pizza romana, use molho de tomate, muçarela, rodelas de tomate, filés de anchova argentina, orégano e azeitonas pretas.

_ Para a pizza toscana, use molho de tomate, muçarela, calabresa moída, manjeiricão, orégano e azeitonas pretas.

Além disso, é possível deixar a criatividade fluir, combinando os ingredientes que você tiver à disposição.

 

OUTRAS OPÇÕES

1. Pizza enrolada da Tia Wanda

5. Corniccione (casquinha crocante de massa de pizza)

3. Breadsticks de pepperoni (tiras de pão com pepperoni)

4. Pizza de pão de forma

5. Pizza de pão sírio

6. Mini pizzas de berinjela

7. Meatzza (pizza sem massa com base de carne moída, low carb)

8. Purê de batatas à pizzaiola

9. Filé à pizzaiolo rapidinho (com molho de tomate e queijo derretido)

10. Tortinhas de queijo com tomate

 

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

O que você achou? Tem alguma dúvida? Fez e quer comentar? Fique a vontade para escrever também.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


Acompanhe nosso instagram

%d blogueiros gostam disto: