Você está aqui:  / Acompanhamentos / Entradas e petiscos / Segunda Sem Carne / Sem lactose / Vegana / Vegetais / Vegetariana / Tempurá crocante de legumes

Tempurá crocante de legumes

Que eu sou apaixonada pela culinária oriental não é nenhuma novidade por aqui, né? Tanto que já postei muitas receitas típicas.

Hoje trago esta versão de tempurá crocante, que pode ser feito somente com legumes ou também com camarões grandes — ficam, sem dúvida, uma delícia!

Ele é diferente do tempurá kakiaguê em que os legumes geralmente são ralados ou picados menores e fritos aos bocados, formando bolinhos empanados. Neste caso, cada legume é empanado individualmente e frito, ficando com a casquinha bem crocante em volta dos pedaços.

Para quem também adora variar o cardápio, é mais uma possibilidade. E você pode usar quaisquer legumes que tiver na geladeira ou que gostar mais.

Tempurá crocante de legumes

1/2 xícara de farinha de trigo (ou de arroz, para uma versão sem glúten)
1/2 xícara de água com gás ou cerveja gelada
2 colheres de chá de vinagre (preferencialmente de arroz)
1 pitada de sal
Legumes em rodelas ou fatias
Óleo vegetal suficiente para fritar

Para o molho:
2 colheres de sopa de molho shoyu
2 colheres de sopa de saquê mirin
5 colheres de sopa de água
1/2 colher de café de sumo de gengibre (rale o gengibre e esprema somente o líquido)
1 pitada de hondashi (opcional para uma versão vegetariana)

Comece preparando o molho: basta misturar bem todos os ingredientes. Reserve.

Em uma tigela, junte a água ou cerveja com o vinagre e o sal. Aos poucos vá polvilhando a farinha e mexendo bem para obter uma massa homogênea e sem grumos (com consistência de um mingau mole).

Em uma panela alta, coloque uns dois ou três dedos de óleo para aquecer (eu prefiro usar o de girassol). Dica: mergulhe um palito de fósforo apagado dentro do óleo e espere que ele acenda — isso quer dizer que o óleo está pronto para a fritura.

Vá mergulhando os legumes um a um na massa, envolvendo bem todos os lados e coloque no óleo para fritar (frite apenas três ou quatro pedaços por vez para evitar que ele esfrie muito). Quando a casquinha estiver dourada, retire do óleo com uma escumadeira e deixe escorrer sobre papel absorvente.

Na foto, usei cenoura, abobrinha, berinjela, brócolis e rodelas de cebola. Você pode usar os legumes que preferir ou tiver dispoíveis.

Sirva em seguida com o molho. Essas quantidades rendem duas ou três boas porções.

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

O que você achou? Tem alguma dúvida? Fez e quer comentar? Fique a vontade para escrever também.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


@CozinhandoPara2ou1 no Instagram

%d blogueiros gostam disto: