Você está aqui:  / Dicas da Nutri / Transtornos alimentares: eles podem estar mais próximos do que você imagina

Transtornos alimentares: eles podem estar mais próximos do que você imagina

TranstornosAlimentares

Você se preocupa demais com a quantidade de calorias ingeridas? Diminuiu drasticamente o consumo de certo alimentos que considera inimigos da boa forma (como pães e outros tipos de carboidrato)? Ou consume apenas produtos light e diet, sem exceção? Pesa-se constantemente ou pratica exercícios em excesso? Experimenta dietas e fórmulas mágicas para emagrecer sem orientação profissional? Já tomou remédios para emagrecer sem orientação médica ou usa laxantes ou diuréticos para eliminar quilinhos antes de eventos ou viagens?

Qual é o limite? Ele depende muito de pessoa para pessoa, mas o importante é prestar atenção nos sinais de aviso que possam indicar que uma pessoa (ou você mesmo) possa estar a caminho de um transtorno alimentar.

Este é o tema que a nossa nutricionista colaboradora Thais Lamonica aborda nas Dicas da Nutri deste mês. Apesar de logo pensamos em casos agudos de anorexia ou bulimia quando ouvimos falar sobre Transtornos Alimentares, muitas vezes eles podem estar mais próximos do que imaginamos, em grau mais leve (mas que tendem a se intensificar à medida que não são controlados).

Leia o artigo para saber mais sobre os diversos tipos de transtornos e veja dicas para reconhecer estes problemas, acessando o link> Transtornos alimentares podem estar mais próximos do que você imagina.

Aproveito para lembrar que você também pode contribuir com o o nosso conteúdo. Envie perguntas, sugestões, dicas e receitas para a gente e mande fotos ou conte como foram as suas experiências com as receitas publicadas aqui. Entre em contato por e-mail, pela nossa Página no Facebook, pelo Instagram, pelo Twitter ou, mais fácil ainda, pelo formulário aqui no blog.

.

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

O que você achou? Tem alguma dúvida? Fez e quer comentar? Fique a vontade para escrever também.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


@CozinhandoPara2ou1 no Instagram


%d blogueiros gostam disto: