Você está aqui:  / Calorias reduzidas / Massas e molhos / Massa de pizza fit (100% integral)

Massa de pizza fit (100% integral)

MassaDePizzaFit_CozinhandoPara2ou1

Sábado é o dia da pizza, não adianta. Por mais que a gente tente resistir, às vezes a vontade é mais forte que a gente.

Já contei que meu pai come pizza todos os dias (literalmente, há mais de 40 anos!) e ultimamente diz que está tentando se alimentar melhor. É por isso que pensei em chegar a uma versão mais leve e saudável de massa.

Usei como base uma massa que ficou bem famosa no Pinterest, feita com farinha e iogurte. Para deixá-la mais leve, optei pelo iogurte desnatado e usei somente farinha integral — com um certo friozinho na barriga pelo medo de que a massa ficasse pesada. Acredito que por causa do iogurte, a massa cresceu bastante e ficou fofinha, super fácil de trabalhar.

Versão aprovadíssima pelo meu pai, não poderia ficar fora daqui!

Massa de pizza fit (100% integral)

1 pote de iogurte natural desnatado não adoçado (170g.)
1 e 1/4 de xícara de farinha de trigo integral
1 colher de chá de fermento químico em pó
1 pitada de sal
Molho de tomate a vontade
Recheios de sua preferência

Em uma tigela grande, coloque 1 xícara da farinha com o fermento, junte o iogurte (com o soro) e o sal e vá misturando com as mãos os ingredientes até obter uma massa. Com parte do restante da farinha, polvilhe uma superfície limpa e vá amassando a massa até que ela fique lisa e uniforme. Aos poucos, vá polvilhando a farinha para que a massa não grude (pode não ser necessário usar toda a quantidade, dependendo da umidade do dia e da qualidade da farinha).

Coloque a massa novamente na tigela enfarinhada, cubra com um pano de prato ou filme plástico e deixe descansar por pelo menos 1 hora em um lugar que não tenha vento (costumamos deixar dentro do microondas desligado).

ComoFazerMassaDePizzaFit_CozinhandoPara2ou1

Após o crescimento, abra a massa em superfície enfarinhada usando um rolo. Enfarinhe a massa e dobre-a em quatro para transferi-la para uma assadeira redonda. Modele as bordas, dobrando a massa, e leve ao forno pré-aquecido em 200°C por mais ou menos 5 minutos.

Retire, espalhe molho de tomate sobre o disco e coloque o recheio de sua preferência (eu usei muçarela, tomate, cebola em rodelas e parmesão ralado, mas você pode optar por recheios mais leves, como atum em água, vegetais, queijos brancos etc.). Retorne ao forno por cerca de 10 minutos, ou até derreter o queijo (caso tenha).

Esta receita rende 1 disco médio de pizza (6 pedaços) ou 2 brotinhos.

Dica: A massa pode ser conservada em recipiente tampado na geladeira por até uma semana (retire pelo menos 1 hora antes de usar para voltar à temperatura ambiente — deixe novamente no microondas desligado — e, se estiver muito úmida, coloque mais um pouquinho de farinha). Você também pode deixar o disco pré-assado na geladeira por até uma semana, retirar antes de assar para voltar à temperatura ambiente e depois rechear normalmente.

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

10 Comentários

  • Vivian

    /

    Este fermento é bo químico ou o biológico? Obrigada pela receita! 😉

  • Luciana Carpinelli

    /

    Vivian, é o fermento químico de bolo mesmo (vou até especificar na receita — obrigada por chamar atenção a isso!).

  • Ariadiny

    /

    Oii, será que também dá pra fazer com o fermento biológico?

  • Luciana Carpinelli

    /

    Ariadiny, dá sim para usar o fermento biológico porque um leitor já me contou que usou e deu certo. Só não sei te informar a quantidade exata pois nunca fiz. 😉

  • Roberto

    /

    Meu problema com essa receita é que a quantidade de farinha não dá. Só se eu tiver usando uma farinha “menos” integral. Tive de colocar o dobro de farinha para a massa não ficar molhada. Vamos ver se vai dar certo. Abraço.

  • Luciana Carpinelli

    /

    Roberto, que estranho… geralmente é necessário usar menos farinha integral nas massas.
    Espero que tenha dado certo. De qualquer forma, nunca tive problemas com estas quantidades e essa massa ficou tão boa que uma pizzaria “de verdade” incluiu esta opção no cardápio!
    Abraço e volte sempre 🙂

  • Thayanne

    /

    Gostaria de saber se dá certo com farinha de arroz!!

  • Luciana Carpinelli

    /

    Oi, Thayanne. Eu nunca usei a farinha de arroz nesta receita mas acredito que vale tentar, tem tudo pra dar certo. 😉
    Depois conta para a gente o que achou?
    Beijo e volte sempre!

  • Camila Ferreiro

    /

    Eu acabei de fazer e a minha não deu muito certo. Tive que por mais farinha do que a receita pedia, talvez minha farinha não seja das melhores. Ficou mais de 20 min no forno e não assou.. ficou crua. Mas não vou desistir da receita. Devo ter feito algo errado rsrs

  • Luciana Carpinelli

    /

    Poxa, Camila, que pena! Mas bom que você não desistiu.
    A farinha integral tem muita variação de marca para marca e a qualidade do iogurte também pode ter influenciado (alguns são mais ou menos firmes que outros, o que faz diferença). A espessura da massa aberta também pode ter alterado o tempo de forno (que, aliás, também é bem específico).
    Mas olha, essa massa é tão boa que está sendo usada em uma pizzaria (de verdade!).
    Beijo e volte sempre 🙂

DEIXE UM COMENTÁRIO

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados ( obrigatório )

4 × 3 =

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


Acompanhe nosso instagram