Você está aqui:  / Aves / Massas e molhos / Polenta con pollo al pomodoro (polenta com frango ao tomate fresco)

Polenta con pollo al pomodoro (polenta com frango ao tomate fresco)

wpid-img_20121230_1455351.jpg
Junte uma avó com o braço quebrado, um avô italianão cansado de enganar na cozinha e uma neta metida a cozinheira de férias na casa deles e você terá comida boa. Polentinha básica com frango desfiado e tomate bem temperado e a refeição fez a alegria de todos. Confira as quantidades por pessoa.

1 filé de frango
1 tomate grande (sem pele)
1/2 cebola pequena picada
1/2 dente de alho picadinho (ou 1 colher de café de alho desidratado)
1 colher de chá de salsa fresca picada ou desidratada
1 1/4 xícara de água
1/2 xícara de farinha de milho fina pré-cozida (Polentina, Kipolenta etc.)
Azeite, sal e pimenta do reino a vontade

Corte o frango em tiras finas e tempere com sal, pimenta e um fiozinho de azeite. Reserve.

Aqueça um fio de azeite e refogue a cebola e o alho até ficarem dourados. Acrescente o frango e misture até ficar branquinho. Adicione o tomate picadinho (se quiser, tire as sementes), o sal, a pimenta do reino, a salsa e 1 xícara de água. Misture tudo, tampe e deixe cozinhar no fogo baixo por 20 minutos (até o frango ficar macio).

Tire a tampa e com uma concha retire 1/2 xícara do caldo. Reserve. Vá mexendo o molho e desfiando o frango enquanto ele seca. Desligue o fogo e reserve.

Em outra panela, aqueça o caldo reservado com 1/4 de xícara de água até ferver. Aos poucos e com cuidado, polvilhe a farinha de milho e vá mexendo bastante para não empelotar. Quando começar a borbulhar, adicione uma pitada de sal, um pouquinho de pimenta do reino e misture. Se quiser que fique mais mole, acrescente água aos poucos e vá mexendo. Prove e corrija o sal, se necessário.

Coloque a polenta no prato, o frango por cima e, se quiser, um pouco de queijo ralado. Meu avô disse que ficou igualzinho à receita que a bisnonna fazia para ele. 🙂

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

1 Comentário

DEIXE UM COMENTÁRIO

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados ( obrigatório )

um × quatro =

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


Acompanhe nosso instagram