Você está aqui:  / Como fazer / Massas e molhos / Como fazer caneloni

Como fazer caneloni

Apesar de amar massas, faz tempo que não aparece uma por aqui, né? Mas vou finalmente contar como fazer caneloni em casa. Esta que, aliás, é uma excelente variação à lasanha do domingo.

Meu truque principal está na forma de rechear o canelone com um recheio cremoso em vez do tradicional queijo com presunto fatiados.

Aproveito hoje para contar o que muita gente não sabe: não ganho nada com o blog e me dedico a preparar, fotografar, escrever e publicar todas essas mais de 1.500 receitas que já estão no nosso arquivo simplesmente porque gosto de fazer isso e porque me faz bem. Mas no fundo, no fundo, não tenho obrigação nenhuma de manter o blog sempre atualizado com assuntos interessantes, ter sempre idéias diferentes para postar.

Além de não ganhar nada com isso (eu sempre conto que trabalho na área de comunicação de uma empresa metalúrgica), há ainda custos fixos que eu tenho para manter o blog com seu arquivo no ar, sempre disponível para acesso. Mensalmente pago pela hospedagem em um servidor cloud dedicado e pelo serviço de manutenção, para prevenir erros ou invasões de hackers, por exemplo, e anualmente preciso renovar as URLs personalizadas (o “aluguel” do endereço cozinhandopara2ou1.com e do .br). Para ajudar a cobrir esses custos é que permito que o Google divulgue banners de propaganda no meu espaço. Cada clique sobre eles faz com que alguns centavos caiam na minha conta. Ou seja, não é porque gosto e nem vou ficar rica por causa dos anúncios — eu também não gosto, mas é um mal necessário.

Fora o pessoal sem noção que só comenta ou manda e-mail para reclamar, muitas empresas entram em contato para que eu “venda” meu espaço para eles. Como o meu sustento básico já está garantido e dr certa forma os anúncios pagam as contas do blog, eu prezo MUITO pela qualidade dos produtos que cito. Até hoje foram poucos os publieditoriais que apareceram por aqui justamente porque eu não recomendaria um produto que não utilizaria na minha casa.

Acho importante esclarecer tudo isso porque sempre há questionamentos e as abordagens não costumam ser muito agradáveis. De qualquer forma, ressalto aqui que o carinho que recebo dos leitores fieis e queridos é o que vale. Mais uma vez agradeço do fundo do coração. <3

Como fazer caneloni

Para o recheio de calabresa defumada:
1 linguiça calabresa defumada
4 colheres de sopa de ricota (eu uso sempre a Ricota caseira, clique AQUI para acessar a receita)
2 colheres de sopa de requeijão ou de creme de ricota (eu uso sempre o Requeijão caseiro, clique AQUI para ver)
1 colher de chá de ervas finas desidratadas
Sal e pimenta do reino a vontade

Para a montagem do canelone:
200g. de massa fresca em folhas para lasanha
1 xícara de molho de tomate (preferencialmente caseiro, clique AQUI para ver a receita)
1 saquinho plástico limpo e seco
Queijo ralado a vontade

Corte a linguiça em pedaços e coloque no processador de alimentos, pulsando até que fique em pedaços bem pequenos, como carne moída. Junte a ricota e o requeijão/creme de ricota e pulse mais algumas vezes para formar um creme homogêneo. Prove e tempere com sal e pimenta do reino, se precisar. Reserve.

Aqueça ou prepare o molho de tomate. Espalhe metade do molho no fundo de um refratário.

Coloque o recheio dentro do saquinho plástico e corte a ponta, deixando um orifício com cerca de 1 cm. de diâmetro.

Abra a massa (eu usei uma integral comprada pronta, mas pode ser a caseira — clique AQUI para ver como preparar Massa fresca caseira) e faça uma tira de recheio em uma das pontas. Com cuidado, vá enrolando a massa para proteger o recheio e coloque sobre o molho com a ponta virada para baixo, assim o canelone não desenrola.

Repita com as outras massas até finalizar o recheio. Cubra os caneloni com o restante do molho e salpique queijo ralado sobre ele. Se quiser, separe porções individuais (2 ou 3 unidades de canelone) e congele em pote bem fechado, preferencialmente de vidro para que o molho não o manche. Descongele na geladeira de um dia para o outro e aqueça no forno.

Leve ao forno preaquecido em 200ºC até que o queijo esteja totalmente derretido e o molho comece a borbulhar — o recheio já deve estar quente. Sirva em seguida.

Esta quantidade serve bem até 3 ou 4 pessoas que não comam muito.

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

2 Comentários

  • Pingback

  • Luciana Carpinelli

    /

    Marianne, fico feliz que tenha gostado e já esteja planejando refeições gostosas com seu noivo e futuro marido!
    Espero que vocês cozinhem sempre juntos e que estes momentos sejam sempre ótimos momentos.
    Felicidades e volte sempre 🙂
    beijão

DEIXE UM COMENTÁRIO

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados ( obrigatório )

quinze + quinze =

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


Acompanhe nosso instagram