Você está aqui:  / Massas e molhos / Macarrão com molho de linguiça e erva doce

Macarrão com molho de linguiça e erva doce

Não adianta: receitas de família que vão passando de mãe para filha SEMPRE são as melhores. Talvez por serem aperfeiçoadas de geração para geração, talvez não sejam esquecidas justamente por serem as melhores ou pode ser também a memória afetiva falando mais alto. O que importa é que, por qualquer motivo que seja, elas merecem ser bem guardadas.

A receita deste Macarrão com molho de linguiça é antiga — tão antiga que não sei nem desde quando está na família. E justamente por isso deve ser compartilhada. É uma combinação incrível de sabores e perfumes que conquistam até aqueles que não são muito amigos dos molhos de tomate.

Sabe aquela comida que deixa a casa com cheirinho de casa aconchegante? Excelente escolha para um domingão cheio de gente ou então para uma noite fria em que a gente precisa mesmo é daquele carinho no estômago.

Macarrão com molho de linguiça e erva doce

1 a 2 dentes de alho picadinhos
1 lada de tomates pelados em cubos
1/2 cebola em cubinhos
1 colher de chá de sementes de erva doce
1 linguiça calabresa defumada sem a pele
1 colher de café de bicarbonato de sódio (ou de açúcar)
Azeite, sal e pimenta do reino a vontade
2 porções de massa

Aqueça um bom fio de azeite e refogue o alho sem deixar dourar. Acrescente os tomates, a cebola e a erva doce, misture e abafe com uma tampa até que o molho comece a se formar (isso deve demorar mais ou menos uns 20 a 30 minutos).

Enquanto isso, corte a linguiça em rodelas e, em seguida, junte-a ao molho e deixe cozinhar por mais uns 5 a 10 minutos com a tampa.

Quando os tomates já estiverem bem macios e o molho mais encorpado, coloque o bicarbonato ou açúcar (para tirar a acidez do tomate) e tempere com sal e pimenta do reino a vontade.

Sirva sobre sua massa preferida, cozida al dente. Esta quantidade rende duas porções bem servidas.

Se preferir, prepare a receita dobrada do molho e congele a porção que não será utilizada por até 3 meses. Lembre-se de usar um pote colorido ou então saquinhos plásticos pois o molho mancha o plástico.

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

O que você achou? Tem alguma dúvida? Fez e quer comentar? Fique a vontade para escrever também.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


Acompanhe nosso instagram

%d blogueiros gostam disto: