Você está aqui:  / Acompanhamentos / Peixes e frutos do mar / Segunda Sem Carne / Sem lactose / Vegana / Vegetais / Vegetariana / Tempurá de legumes e folhas da Bela Gil

Tempurá de legumes e folhas da Bela Gil

TempuraDaBelaGil_CozinhandoPara2ou1

A última tendência em alimentação tem sido as receitas da Bela Gil, que já virou queridinha dos telespectadores de programas culinários na TV — o que, aliás, acho muito positivo em um cenário quase que totalmente dominado por fast food e alimentos super processados. Sou contra qualquer tipo de radicalismo, e é exatamente isso que me agrada na filosofia que ela defende.

Não sou a fã número um da Bela, mas outro dia assisti a um programa em que ela falou sobre friturinhas saudáveis e preparou tempurá. Este prato oriental composto por legumes (e às vezes camarões) empanados em uma massinha leve e depois fritos é uma das minhas paixões gastronômicas mas eu nunca tinha pensado em fazer em casa. Só que fiquei babando e, já que achei tudo tão simples, experimentei. O problema é que amei o resultado — e já sei que vai aparecer sempre em casa.

O engraçado dessa história é que, justo eu que sempre evito as frituras, escolhi exatamente uma das receitas menos naturebas dela, né? 😉

Tempurá de legumes e folhas da Bela Gil

1/2 copo de água bem gelada
1/2 copo de farinha de trigo
1 pitada de sal
+/- 1 copo de legumes e folhas
Óleo para fritar (de soja, de milho, de girassol, de coco, de dendê, ghee etc.)

Sugestões de legumes e folhas: couve-flor, nirá, agrião, brócolis, cenoura, berinjela, cebola, repolho, batata doce etc.

Esquente bastante óleo em uma panela funda. Nesta receita, a Bela Gil usou o óleo de milho, mas eu compro sempre o de girassol — um dos poucos que não são transgênicos entre os mais comuns.

Enquanto isso, prepare a massa. Misture a farinha, o sal e a água (a água bem gelada deixa a massa mais crocante). Bata bem com uma colher até a massa começar a grudar — ela deve cobrir a colher, para que também envolva os legumes.

Quando o óleo estiver quente o suficiente para fritar, comece. Aqui vale a dica de colocar um palito de fósforo apagado dentro do óleo antes de levá-lo ao fogo e começar a fritura quando ele acender.

Mergulhe, um a um, os legumes na mistura e depois frite-os no óleo. Eu usei cenoura ralada, repolho em tiras bem fininhas, batata doce ralada e cebola em rodelas e fiz no estilo mais prático: joguei tudo dentro da massa, misturei bem e fui colocando montinhos no óleo quente.

Escorra o excesso de óleo e, em seguida, coloque para escorrer sobre papel toalha.

A Bela serviu com um molhinho (clica AQUI para ver a receita), mas eu só coloquei shoyo light com um pouquinho de água para deixá-lo um pouco mais suave. Ficou uma delícia!

Esta quantidade serve bem duas pessoas com outros complementos. Eu fiz 6 tempurás do tamanho destes da foto.

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

4 Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados ( obrigatório )

dezoito + sete =

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


Acompanhe nosso instagram