Você está aqui:  / Arroz e Risotos / Carnes / Reaproveitamentos / Arroz de carreteiro

Arroz de carreteiro

ArrozDeCarreteiro_cozinhandopara2ou1

O Arroz de Carreteiro é um prato típico brasileiro, principalmente na região Sul do país. Surgiu quando os carreteiros, que viajavam em carretas puxadas por bois, não tinham muita estrutura para preparar suas refeições e cozinhavam a carne com o arroz. Super fácil de preparar, é uma excelente opção para aproveitar as sobras de carnes, principalmente de churrasco, ou qualquer outro tipo já cozido.

É aquele tipo de receita que praticamente se faz sozinha enquanto você lava a louça ou coloca a mesa para o almoço. E, para complementar, eu preparo uma salada caprichada e uns legumes no vapor. Vapt-vupt!

350g. de carne (carne seca, alcatra, maminha, sobras de churrasco e de linguiça etc.)
1 xícara de arroz cru
1 cebola pequena picada
1 dente de alho amassado
2 xícaras de água
1/2 pimentão em cubinhos
1 punhado de salsinha picada
Azeite, sal e pimenta do reino a vontade

Antes de começar, pique a carne em cubos não muito grandes ou desfie-a. Geralmente o Arroz de Carreteiro é preparado com sobras de carne já cozida, principalmente de churrasco. Se for usar carne seca, você deve antes dessalgá-la e cozinhá-la.

Em uma panela, aqueça um bom fio de azeite e refogue a cebola com o alho. Acrescente a carne, um pouco de sal e pimenta do reino e misture bem para espalhar os sabores. Coloque o arroz, mexa novamente e, por fim, regue com a água. Deixe cozinhar com a panela semi-tampada até o arroz secar.

Como eu não gosto que o sabor do pimentão fique muito forte, costumo adicioná-lo à panela quando o arroz já está quase seco. Desligue o fogo, salpique a salsinha por cima e tampe a panela para que ela sue por uns 5 minutinhos.

Depois dessa pausa, misture tudo novamente com cuidado e sirva ainda quente. Esta quantidade rende até 3 porções bem servidas.

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

1 Comentário

  • Teresa Newman

    /

    Comida simples que adoro. Arroz de carreteiro

O que você achou? Tem alguma dúvida? Fez e quer comentar? Fique a vontade para escrever também.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


Acompanhe nosso instagram

%d blogueiros gostam disto: