Você está aqui:  / Acompanhamentos / Arroz e Risotos / Como fazer / Segunda Sem Carne / Vegana / Vegetariana / Arroz com curry

Arroz com curry

ArrozComCurry_Cozinhandopara2ou1

Arroz com curry é uma receita muito simples e fácil, mas muitas vezes os pequenos detalhes fazem uma grande diferença. No dia a dia é uma opção para deixar a mesa mais colorida e saborosa, sem contar que combina muito bem com carnes ou legumes ensopados ou assados.

Gosto muito do toque levemente apimentado e do tom amarelo que o curry dá ao arroz e costumo fazer mesmo para servir com o tradicional feijãozinho de todos os dias. Só que, desta vez, preparei esta receita para acompanhar um prato especial indiano, que aparecerá por aqui nos próximos dias. Vale a pena esperar!

Arroz com curry

1 xícara de arroz (dê preferência ao branco ou basmati)
1 colher de sopa de azeite
1/2 cebola pequena bem picadinha
1 colher de chá de curry em pó
1 folha de louro
2 xícaras de água quente
Sal a vontade

Aqueça o óleo em uma panela pequena no fogo médio e refogue a cebola com o curry e o louro até que ela fique transparente, sem dourar.

Junte o arroz, misture bem e deixe refogar por uns 3 minutinhos. Tempere com o sal (mais ou menos 1 colherzinha de café), mexa mais uma vez, coloque a água e não misture mais.

Abaixe o fogo e deixe cozinhar com a panela semi-tampada até a água secar. Vai demorar mais ou menos uns 20 minutos e não adianta aumentar o fogo ou tirar a tampa para ir mais rápido pois o arroz ficará duro.

Dica: para saber se o arroz já está bom, molhe o dedo e toque rapidamente a panela quente (como se faz com o ferro de passar roupas). Se fizer um chiadinho, está pronto. Se não, espere mais alguns minutinhos.

Desligue o fogo, tampe completamente e espere uns 5 minutos. Com um garfo, vá soltando os grãos e depois transfira o arroz para a travessa onde irá servir. Se quiser, enfeite com cebolinha.

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados ( obrigatório )

18 − três =

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


Acompanhe nosso instagram