Você está aqui:  / Massas e molhos / Segunda Sem Carne / Sopas, cremes e caldos / Vegetariana / Receita de Ramen Shoyo (macarrão japonês lamen com caldo de shoyo)

Receita de Ramen Shoyo (macarrão japonês lamen com caldo de shoyo)

Ramen ou Lamen é um prato típico dos países orientais — surgiu na China mas no pós-guerra ficou famoso também no Japão. Hoje em dia ganhou o mundo todo e está super popular em todos os cantos.

É um caldo especial que recebe uma massa cozida e complementos que variam de carnes ou cogumelos até brotos e, claro, cebolinha. Uma opção que agrada a todos os gostos e que dá para ser feita com quase qualquer coisa que você tiver na geladeira.

E, se vocês prestarem atenção, deste jeito que eu montei vira um super prato vegetariano para uma #SegundaSemCarne deliciosa.

Shoyo Ramen (macarrão japonês lamen com caldo de shoyo)

2 e 1/2 xícara de caldo de peixe (usei água com 1 pacotinho de Hondashi)
1 dente de alho cortado em 4 partes
1 colher de café de gengibre ralado
2 colheres de sopa de molho shoyo light (com menos sódio)
1 colher de sopa de saquê mirin
1 colher de chá de açúcar
150g. de macarrão ramen/lamen
1 ovo
2 colheres de sopa de milho verde
2 talos de cebolinha
1/2 folha de nori (alga seca)

Coloque o macarrão para cozinhar de acordo com as instruções para que fique al dente.

Em uma panela, junte o caldo de peixe, o alho, o gengibre, o shoyo, o saquê e o açúcar. Misture bem e deixe aquecer em fogo baixo até começar a ferver. Desligue o fogo em seguida e retire os pedaços de alho.

Coloque o caldo quente em uma tigela, o macarrão escorrido e, por cima, os complementos preferidos.

Eu usei ovo cozido por 6 minutos, cebolinha cortadinha bem fino e frita em um pouquinho óleo até começar a dourar, meia espiga de milho fresco e nori. Você pode acrescentar barriga ou lombo de porco fatiados, filé de frango, cogumelos refogados, repolho, broto de bambu ou de feijão… não há limites!

Esta quantidade serve uma porção.

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados ( obrigatório )

dois × 2 =

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


Acompanhe nosso instagram