Você está aqui:  / Livros / Vovó Palmirinha e os segredos de cozinhar com amor

Vovó Palmirinha e os segredos de cozinhar com amor

ConviteLivroPalmirinha

Uma mulher, recém separada e com três filhas para sustentar, começa a fazer salgados e doces para vender. Quantas histórias parecidas com esta já ouvimos? Pois foi assim que “nasceu” uma das figuras mais queridas no Brasil atualmente: a vovó Palmirinha.

Algum tempo depois, em um programa de auditório, Palmira Onofre foi contar sua história e carregou uma cesta com alguns salgadinhos, que fizeram sucesso e acabaram antes mesmo do fim da entrevista. Aquela senhora chamou tanta atenção por sua simpatia e simplicidade que Ana Maria Braga, ainda no Note e Anote da TV Gazeta, convidou-a a ensinar as receitas no seu programa. Desde a primeira vez ganhou o público pelo estômago e nunca mais saiu da TV — atualmente está no canal Fox Life.

A querida (e atrapalhada) vovó, que compartilha suas receitas e causos gostosos ao lado do boneco Guinho, é apenas um dos exemplos de como a culinária, uma arte tão acessível e democrática, pode mudar vidas. E uma das coisas que ela melhor ensina é que o único ingrediente imprescindível na cozinha é o amor.

E é para levar um pouquinho mais desse amor a todas as famílias brasileiras que ela lança, no próximo sábado (16/08), seu “Grande Livro da Palmirinha — 1000 receitas deliciosas da vovó mais querida do Brasil” (Editora Alaúde, 896 páginas, preço sugerido R$ 79,90). O evento acontece na livraria Saraiva do Shopping Center Norte, das 15h30 às 18h.

Importante: a partir das 13h30, serão entregues 300 senhas, na própria Saraiva do Center Norte, aos interessados em participar do evento.

 

SERVIÇO
Lançamento do “Grande Livro da Palmirinha — 1000 receitas deliciosas da vovó mais querida do Brasil”
Saraiva do Shopping Center Norte (Travessa Casalbuono, 120 — loja 414 — São Paulo/SP)
16/08 — das 15h30 às 18h.

 

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

O que você achou? Tem alguma dúvida? Fez e quer comentar? Fique a vontade para escrever também.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


Acompanhe nosso instagram

%d blogueiros gostam disto: