Você está aqui:  / Peixes e frutos do mar / Vegetais / Filé de peixe com vagens ao molho de mostarda e ervas

Filé de peixe com vagens ao molho de mostarda e ervas

FileDePeixeComVagensMostarda_CozinhandoPara2ou1

Sabe quando você abre a geladeira e parece que de lá não sai nada? Confesso que esta é uma das minhas condições preferidas para cozinhar: com uma pesquisa mais atenciosa nos armários e prateleiras, sempre acabam aparecendo alguns ingredientes que dão uma cara totalmente diferente aos poucos itens disponíveis. Desta vez, um peixe sem graça e um pouco de vagens ganharam um molho super saboroso e montaram um prato bonito.

Além de rápido, é um almoço super fácil de preparar tanto para o dia a dia como para uma ocasião mais especial. Adorei! 😉

1 filé de abadejo
1/2 maço de vagens finas
1/2 colher de sopa de manteiga
1 colher de sopa de ervas frescas picadinhas (eu usei cebolinha e manjericão)
1/2 limão espremido
1 colher de sobremesa de mostarda (preferencialmente do tipo Dijon)
Sal e pimenta do reino a vontade

Tempere o peixe com sal e limão e deixe na geladeira por mais ou menos 15 minutos.

Depois dessa pausa, derreta a manteiga em uma frigideira pequena, acrescente o alho, as ervas e o caldo de limão. Coloque as vagens (eu só lavei bem e cortei a pontinha de baixo) e deixe que cozinhem por mais ou menos uns 3 minutos, virando-as com um pegador. Acrescente a mostarda, dê uma mexida rápida e retire as vagens — mantenha-as aquecidas dentro do forno.

Na mesma frigideira ainda com o molho, coloque o peixe e deixe cozinhar por mais ou menos 5 minutos de cada lado, até que fique macio mas não desmanchando. Arrume-o também no prato. Se preferir o molho mais espesso, deixe apurar um pouquinho mais no fogo baixo. Por fim, prove para corrigir o sal regue com o molho.

Esta quantidade serve bem uma pessoa. Meu complemento foi uma bela salada com croutons. Se quiser, acompanhe com um arroz integral ou sua massa preferida.

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

5 Comentários

O que você achou? Tem alguma dúvida? Fez e quer comentar? Fique a vontade para escrever também.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


Acompanhe nosso instagram

%d blogueiros gostam disto: