Você está aqui:  / Acompanhamentos / Arroz e Risotos / Calorias reduzidas / Reaproveitamentos / Saladas e molhos / Segunda Sem Carne / Sem glúten / Vegetais / Vegetariana / Arroz cremoso com shitake (calorias reduzidas, quente ou frio)

Arroz cremoso com shitake (calorias reduzidas, quente ou frio)

arrozcremosocomshitake_cozinhandopara2ou1.jpg

Sobras de alimentos, quando aparecem em casa, não viram lixo, mas um desafio: transdormá-las em outro prato gostoso e interessante. Sou chata mesmo, não gosto de repetir o cardápio e, por isso, acabo sempre inventando formas diferentes de reaproveitar os alimentos.

Desta vez, o arroz integral ganhou cor e sabor com shitake, azeitonas pretas, tomate, queijo ralado e ervas frescas picadinhas. A cremosidade fica por conta do requeijão ou creme de ricota. E o mais interessante é que o prato pode ser servido frio, como uma salada, e também quente, como um acompanhamento bonito — enformado como na foto ou não.

Arroz cremoso com shitake (calorias reduzidas, quente ou frio)

+/- 1 xícara de arroz cozido (usei o integral)
3 ou 4 cogumelos shitake picadinhos em cubos
3 ou 4 azeitonas picadas
3 ou 4 fatias de tomate em cubos
2 colheres de sopa de requeijão ou creme de ricota (pode ser light)
1 colher de sopa de queijo parmesão ralado
Ervas frescas bem picadinhas

Coloque em uma tigela o arroz, os cogumelos, as azeitonas, o tomate e as ervas e misture bem com uma colher. Acrescente o requeijão e o queijo ralado ou creme de ricota e integre bem os ingredientes.

Dica: usei o shitake em conserva, por isso não o cozinhei. Caso você use o fresco, basta aquecer um fiozinho de azeite ou um pouquinho de margarina e refogá-lo já em cubos por 2 ou 3 minutos.

Como o arroz já estava cozido e temperado e o queijo ralado já é salgadinho, não precisa acrescentar mais sal. Se quiser, adicione um pouquinho de pimenta do reino.

comofazerarrozcremosocomshitake_cozinhandopara2ou1.png

Para servir, eu usei um aro para moldar o arroz e deixá-lo mais arrumadinho. Caso não tenha um aro, use um pote untado com um tiquinho de azeite e pressione bem para compactar o arroz e desenformar direitinho. Para uma entrada, não precisa nem aquecer — em temperatura ambiente ou gelada vira uma saladinha diferente.

Como o dia estava frio, levei ao forno pré-aquecido em 180ºC por uns 5 a 8 minutinhos com o aro mesmo. Lembre-se de usar um potinho que possa ir ao forno caso não tenha o aro. Caso prefira, arrume o arroz em um refratário maior.

Esta quantidade serve bem 2 pessoas como acompanhamento e até 4 pessoas como entradinha.

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

1 Comentário

  • Camila

    /

    Hummm…já guardei na pasta delicinhas culinárias. Vou testar esse fim de semana para receber os amigos e estrear as “formas de arroz” que comprei. Bj

DEIXE UM COMENTÁRIO

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados ( obrigatório )

vinte − três =

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


Acompanhe nosso instagram