Você está aqui:  / Dicas da Nutri / Você sabe o que são doenças crônicas não transmissíveis?

Você sabe o que são doenças crônicas não transmissíveis?

Também chamadas de DCNT, as Doenças Crônicas Não Transmissíveis formam um grupo que abrange doenças cardiovasculares (como pressão alta), doenças respiratórias crônicas (como asma), neoplasias (câncer) e diabetes, entre outras.

Segundo o Ministério da Saúde essas doenças têm, em sua maioria, quatro fatores de risco em comum, sendo eles: tabagismo, uso nocivo de álcool, má alimentação e sedentarismo. Geralmente elas são silenciosas e percebidas somente quando já estão estabelecidas. Porém, levando em conta seus principais fatores de risco citados acima, é possível prevenir seu aparecimento. Veja algumas dicas:

– Praticar algum tipo de atividade física faz muito bem para o corpo e também para a mente. Os benefícios são inúmeros: fortalecimento dos músculos, diminuição da gordura, redução da ansiedade e do estresse, melhora da disposição e da memória, além de ser uma ótima forma de prevenir o aparecimento das DCNT como hipertensão e diabetes, por exemplo.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda 150 minutos de atividade física leve ou moderada (cerca de 20 minutos por dia) ou, pelo menos, 75 minutos de atividade de maior intensidade (cerca de 10 minutos por dia). Você não precisa ser um atleta para deixar de sedentário! Usar escadas ao invés do elevador e andar mais a pé ou de bicicleta são soluções que já fazem diferença.

– O consumo excessivo de sal está diretamente relacionado com o aumento da pressão arterial. Por isso, como forma de prevenção da hipertensão, a OMS recomenda que o consumo de sal fique em torno de 5g. por dia (o que equivale a cerca de 2g. de sódio).

Usar temperos naturais como ervas e especiarias (orégano, manjericão, salsinha, coentro, cebolinha, pimenta do reino, cominho, entre outros), podem diminuir a necessidade do sal em preparações, além de realçar o sabor.

– Grande parte do açúcar consumido hoje pela população brasileira está “escondido” em produtos industrializados como refeições prontas, temperos, biscoitos, refrigerantes e sucos industrializados.

A OMS recomenda que a ingestão de açúcar diária esteja em torno de 25g. Atualmente, a média de consumo está em 80g. por dia.

É orientado que o excesso de produtos industrializados, como os citados acima, seja monitorado na alimentação de crianças, adultos e idosos como forma de prevenção do aparecimento de diabetes.

Já o consumo de alimentos in natura como frutas, verduras e legumes, é recomendado para fornecer bons nutrientes como fibras, vitaminas e minerais.

– Manter seus exames em dia é uma ótima maneira de prevenir o aparecimento de DCNT como doenças cardiovasculares e diabetes, por exemplo. Além disso, se você já tem alguma condição estabelecida, monitorando os exames conseguimos fazer o melhor tratamento.

Não se preocupe em conseguir seguir todas as dicas acima, ao mesmo tempo. O importante é ficar atento para conseguir prevenir e não remediar depois que a DCNT já está estabelecida. E acompanhe sempre sua saúde com profissionais de confiança.


Raquel Labonia
 é uma nutricionista completamente apaixonada pelo que faz e com intensa e incansável vontade de fazer a diferença no mundo. Motivada por essa inquietude, em 2015 criou a WellMove (abreviação de Wellness Movement), que representa um Movimento Pelo Bem-Estar em seu sentido mais amplo. Estar bem é a harmonia entre o nosso físico, mental e também o ambiente em que vivemos. Hoje, a WellMove se tornou uma Consultoria em Nutrição e Bem-Estar atuante em diversas áreas, que trabalha com projetos de qualidade de vida, sustentabilidade, comunicação e marketing nutricional e consultas particulares em consultório.

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


Acompanhe nosso instagram

%d blogueiros gostam disto: