Você está aqui:  / Saladas e molhos / Segunda Sem Carne / Sem glúten / Vegetariana / Batatinhas a vinagrete com ovos de codorna, pimenta biquinho e azeitonas

Batatinhas a vinagrete com ovos de codorna, pimenta biquinho e azeitonas

Mesmo quando o tempo começa a ficar mais ameno, raramente falta uma salada na minha refeição. Isso quando a própria salada não é a refeição em si, como foi o caso desta.

Se o dia estiver mais frio, dá para retirá-la da geladeira um pouco antes e deixar que chegue à temperatura ambiente e, se o sol abrir e esquentar um pouco, ela também fica uma delícia. E, se a tarde ficar agradável, essas batatinhas temperadas viram um delicioso aperitivo para acompanhar o happy hour.

Batatinhas a vinagrete com ovos de codorna, pimenta biquinho e azeitonas

250g. de batatinhas cozidas
5 ovos de codorna cozidos e descascados
1/4 de cebola picada
1 colher de sopa de ervas frescas picadinhas
1/2 pimenta dedo de moça picadinha
1/2 limão espremido
Azeitonas
Pimentas biquinho
Azeite, sal e pimenta do reino a vontade

Com um garfo ou fouet, bata um pouco de azeite com o limão, sal e pimenta do reino até emulsionar (ficar tudo bem misturadinho). Acrescente as ervas e a dedo de moça (com ou sem sementes), misture. Coloque a cebola (cortei em rodelas e depois em 4) e integre-a ao molho.

Adicione as batatinhas ainda quentes, cozidas por mais ou menos 10 minutos, dependendo do tamanho delas (devem estar macias mas ainda firmes) e os ovinhos cortados ao meio e, por último, as azeitonas e as pimentas biquinho. Misture bem para que o molho envolva todos os ingredientes e, se necessário, acrescente mais azeite.

Mantenha na geladeira por pelo menos 1 hora para que os sabores se intensifiquem. Sirva geladinha ou então retire da geladeira um pouco antes de servir.

Esta quantidade serve entre 2 e 4 pessoas, dependendo dos complementos. Eu servi para 2 pessoas apenas com folhas de alface.

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

O que você achou? Tem alguma dúvida? Fez e quer comentar? Fique a vontade para escrever também.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


Acompanhe nosso instagram

%d blogueiros gostam disto: