Você está aqui:  / Acompanhamentos / Entradas e petiscos / Segunda Sem Carne / Vegetariana / Maçã assada com gorgonzola

Maçã assada com gorgonzola

Sabe aquele trucão coringa de transformar dois ingredientes facinho e rapidinho em um petisco ou acompanhamento dos Deuses? Pois pode anotar aí no bloquinho ou imprimir e deixar na porta da geladeira para qualquer emergência.

Serve bem pra receber a amiga que resolveu passar na sua casa depois do trabalho, serve pra incrementar o jantarzinho com o crush, serve para complementar uma tábua de queijos e, enfeitando uma saladinha de folhas, coroa a refeição.

Mais fácil de fazer, impossível. Mais gostoso, duvido existir alguma coisa.

Aproveita e ainda garanta os elogios para dar um up na auto-estima de cozinheiro. 😉

Maçã assada com gorgonzola

1 maçã grande
1 colher de sopa de vinagre
1 xícara de água
100g. de queijo gorgonzola
Azeite a vontade
Palitinhos de dente

Lave bem a maçã e seque-a. Misture o vinagre na água e coloque em uma tigela.

Corte fatias finas no sentido da largura (as sementes devem ficar no centro das fatias) e mergulhe-as na água com vinagre para que não escureçam.

Unte uma assadeira com um fiozinho de azeite e coloque 5 ou 6 fatias de maçã. Sobre cada uma delas, despedace uma fatia fina do queijo gorgonzola, deixando os pedaços mais próximos do centro das fatias. Cubra com outras fatias de maçã e vá repetindo camadas do gorgonzola até o fim dos ingredientes. Espete um palitinho no centro das maçãs para fixar.

Leve a assadeira ao forno preaquecido em 200ºC somente até o queijo derreter (o tempo exato vai depender do seu forno e do queijo que você usar, mas deve ser algo em torno de 5 a 10 minutos).

Sirva em seguida ainda quente. A maçã assada com gorgonzola é uma entradinha deliciosa e vira também um excelente acompanhamento para carnes assadas, principalmente as suínas. Eu servi com Filé mignon suíno assado na cerveja.

Esta quantidade serve bem 2 pessoas.

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

1 Comentário

  • Gabriel

    /

    Hummm… Muito bom!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados ( obrigatório )

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


Acompanhe nosso instagram