Você está aqui:  / Como fazer / Entradas e petiscos / Como fazer manteiga de ervas

Como fazer manteiga de ervas

ManteigaDeErvas_CozinhandoPara2ou1

Alguns truques da culinária são tão fáceis que é até difícil de acreditar. A manteiga de ervas, por exemplo, é super simples de se preparar mas incrivelmente versátil: acompanha desde pães e torradinhas no café da tarde ou num happy hour até carnes nobres ou frutos do mar, passando por qualquer tipo de massa. É aquele prático coringa para deixar pronto para incrementar a mesa quando aparecer aquela visita especial ou simplesmente quando der na telha.

Depois desta dica, qualquer espaguetinho cozido al dente ganha ares de prato de restaurante (para este caso, é só cozinhar a massa e misturar uma colherada da manteiga de ervas, misturando para que derreta, e finalizar com um pouco de queijo ralado).

Como fazer manteiga de ervas

100g. de manteiga em temperatura ambiente
2 a 3 colheres de sopa de ervas frescas bem picadinhas
Sal e pimenta do reino a vontade

Coloque a manteiga já na textura de pasta em uma tigela e acrescente as ervas (a quantidade vai depender do seu gosto, eu prefiro com bastante ervas para que o sabor fique mais intenso).

Dica: para variar sempre o sabor da sua manteiga de ervas, escolha ervas diferentes. Eu gosto muito de usar salsa e cebolinha, mas também é possível usar manjericão, tomilho, sálvia, orégano, hortelã etc.

Tempere com sal e pimenta do reino a vontade e misture muito bem para distribuir os ingredientes igualmente. Coloque a mistura sobre um pedaço de papel manteiga e enrole como um bombom, torcendo as laterais para deixar a manteiga bem moldada.

Leve ao congelador por pelo menos uns 40 minutos ou até que fique bem firme.

 

Pouco antes de usar, tire do congelador e corte a porção que irá utilizar.

Você pode servir como antepasto com torradinhas, usar em qualquer tipo de refogado, acompanhar carnes, usar para finalizar risotos, para fazer molhos, para acompanhar carnes ou saltear frutos do mar etc.

Retorne a porção que não será utilizada ao congelador e mantenha-a lá por até 3 meses.

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

3 Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados ( obrigatório )

19 + 11 =

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


Acompanhe nosso instagram