Você está aqui:  / Massas e molhos / Espaguete ao alho e óleo

Espaguete ao alho e óleo

wpid-img_20130410_133406.jpg

Atendendo ao pedido da minha amiga Aline Ribeiro, uma das formas mais tradicionais de se servir massa: ao alho e óleo — com essa “alta do tomate”, é uma boa alternativa. E pode comer a vontade que tem também uma dica para tirar aquele “bafo de alho” depois da refeição. 😉

1 porção de espaguete
2 a 3 colheres de sopa de azeite
1 a 2 dentes de alho médios
1 pitadinha de sal (opcional)
2 colheres de sopa da água de cozimento do macarrão

Coloque a massa para cozinhar de acordo com as instruções para ficar al dente.

Aqueça o azeite em uma frigideira alta com fogo baixo, acrescente o alho em fatias ou picadinho (eu prefiro em fatias para que não desapareça no meio do macarrão) e espere-o dourar. A proporção aqui vai depender de como você prefere: eu uso menos azeite e mais alho.

Importante: caso o espaguete ainda não esteja al dente, desligue o fogo para não queimar o azeite, e retire os pedaços de alho com uma escumadeira e deixe-os escorrer sobre papel absorvente para que não virem carvãozinhos. 😉

Se tiver desligado o fogo, aqueça o azeite novamente em fogo baixo, e retorne o alho à frigideira. Adicione o sal (eu nem uso) e a água do cozimento (ela ajuda a fazer com que o azeite não escorra todo para o fundo do prato). Mexa com cuidado pois pode espirrar.

Depois de cozida, escorra a massa e coloque-a na frigideira com o molho e misture bem para que envolva todo o macarrão, mas com cuidado para não quebrá-lo.

Sirva de preferência com pouco queijo ralado para não alterar muito o sabor. Se quiser, regue com um fiozinho de azeite. E, para mais de uma pessoa, basta multiplicar as quantidades. 😉

Dica: incremente um pouco mais seu “alho e óleo” usando azeites aromatizados ou acrescentando ao azeite, enquanto frita o alho, um pouquinho de pimenta calabresa desidratada, um pedaço de pimenta dedo de moça ou uma pitadinha de páprica. Você pode, também, adicionar, junto com o macarrão, ervas frescas picadinhas ou desidratadas ou ainda floretes de brócolis.

Uma coisa que minha avó fazia era, em vez de azeite, utilizar o óleo de mais ou menos 50g. de bacon em cubinhos fritos na própria gordura (retire ou deixe os pedacinhos com a massa, como preferir). Mas já sabe, né? O óleo fica bem mais saboroso, mas também mais calórico.

Ah, e depois da refeição, prepare um chá verde, de erva doce ou hortelã — eles ajudam a tirar aquele famoso “bafo de alho”. Um cafézinho ou copo de leite também valem. 😉

É aquariana, curiosa, jornalista e tem uma infinidade de interesses — entre eles, a culinária. Não é chef (nem pretende ser) mas a necessidade de morar sozinha a fez experimentar a alquimia das panelas e descobrir que o fogão não é um bicho de quatro bocas.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados ( obrigatório )

oito − um =

Categorias

Arquivos



mytaste.com.br


Acompanhe nosso instagram